Quem escreveu Hebreus?

SOBRE: A LEI
19/08/2020
SOBRE: A LEI – NASCIDOPOD
20/08/2020

Quem escreveu Hebreus? A resposta é curta: só Deus sabe.

No trecho a seguir adaptado do novo volume Lexham Press’ new Evangelical Biblical Theology Commentary – Hebrews por Thomas R. Schreiner,1 vemos os nomes quer foram apresentados – e por que o autor de Hebreus provavelmente não é Paulo.

A autoria de Hebreus é um assunto fascinante que continua a interessar aos cristãos hoje.

Quem apresentou a autoria paulina de Hebreus?

Clemente de Alexandria (ca. 150-215 DC) pensou que a carta foi escrita por Paulo em hebraico e então traduzida para o grego por Lucas.2

Orígenes (cerca de 185-253 DC) disse que os pensamentos são paulinos, mas sugeriu que outra pessoa fez anotações curtas e escreveu o que o apóstolo ensinou e disse.3

Orígenes transmitiu a tradição de que Lucas ou Clemente de Roma eram o escritor, mas permaneceu evasivo quanto à identidade do autor.

A maioria dos estudiosos acredita que Orígenes era agnóstico em relação ao autor desde que escreveu: “Mas quem escreveu a epístola, verdadeiramente só Deus sabe.”4

David Alan Black, no entanto, argumenta que Orígenes acreditava que Paulo era o autor, mas outra pessoa era o escritor.5

A interpretação de Orígenes por Black deve ser rejeitada.

Foi demonstrado que, quando Orígenes fala de quem escreveu a epístola, ele se refere ao autor, não apenas ao secretário.6

Conseqüentemente, a noção de que Orígenes acreditava que Paulo era o autor falha.

Com o passar do tempo, porém, a noção de que Paulo era o autor ganhou crédito e, no século III, a autoria paulina foi aceita no Oriente.7

A situação no Ocidente era diferente.

Tertuliano (ca. 155-220 DC) sugeriu que Barnabé foi o autor, o que indica que não havia nenhuma inclinação nos primeiros séculos no Ocidente para atribuir a carta a Paulo.8

Identificar o autor como Barnabé é interessante, visto que Barnabé era um levita ( Atos 4:36 ), o que poderia explicar o interesse e o conhecimento dos assuntos sacerdotais em Hebreus.

A autoria paulina, no entanto, finalmente triunfou no Ocidente devido à influência de Jerônimo e Agostinho.9

Opiniões sobre a autoria paulina na Reforma e hoje.

A autoria paulina reinou como visão da Igreja até a época da Reforma.

Erasmo se inclinou contra a autoria paulina, mas disse que se submeteria às autoridades eclesiásticas, já que o assunto era irrelevante.10

Lutero rejeitou a autoria paulina, acreditando que Hb 2: 3 prova que o livro não poderia ter vindo de Paulo. Lutero teve uma suposição nova, mas brilhante, a respeito da autoria, propondo que o livro foi escrito por Apolo.11

Hebreus é lindamente escrito e tem uma sensação alexandrina, combinando com a eloqüência de Apolo e as raízes alexandrinas ( Atos 18:24 ). Calvino também concordou que Paulo não foi o escritor baseado em Hb 2: 3 , sugerindo que Lucas ou Clemente de Roma escreveram a carta.

No período contemporâneo, os estudiosos continuam a propor vários autores, como Priscilla, Silas, Epafras, Judas, Aristion, etc.12

Nos últimos anos, uma defesa vigorosa da autoria de Lucas foi proposta por David Allen,13 e há também uma importante defesa da autoria paulina de David Alan Black.14

Por que Paulo não é o autor de Hebreus

A autoria paulina deve ser rejeitada, apesar das tentativas, antigas e modernas, de montar uma defesa.

Primeiro, nas 13 cartas de Paulo ele se identifica pelo nome, portanto, a ausência de um nome em Hebreus torna duvidoso que Paulo tenha escrito a carta.15

Em segundo lugar, os argumentos estilísticos não devem ser confiados demais, uma vez que o corpus paulino é muito limitado. Ainda assim, o estilo grego polido de hebreus não está de acordo com o que encontramos nas cartas paulinas.

Terceiro, o escritor se separa das testemunhas oculares originais em Hb 2: 3 . Paulo, em contraste, enfatiza repetidamente sua autoridade como apóstolo de Jesus Cristo e se recusa a se colocar em uma posição subordinada aos apóstolos e testemunhas oculares. Esta última razão, em particular, descarta a noção de que Paulo foi o autor.

Se não foi Paulo, quem escreveu Hebreus?

Uma vez que Paulo é excluído, a porta é aberta para qualquer número de candidatos.

David Allen argumenta de forma intrigante em favor de Lucas, mas só se pode dizer que ele mostrou que a autoria de Lucas é possível.

Ele certamente não provou sua tese. A evidência linguística não é decisiva, e as diferenças entre Hebreus e Atos questionam a autoria de Lucas.16

Barnabé é uma escolha atraente, já que ele era um levita, e o livro tem interesse em todas as coisas levíticas.

Da mesma forma, a suposição de Lutero de que o autor era Apolo é atraente, pois a eloqüência de Apolo está de acordo com a elegância da carta, e sua formação alexandrina se ajusta ao caráter da carta.

Muitos estudiosos viram uma afinidade entre os hebreus e o pensamento platônico / filônico, e Alexandria foi um centro fértil para tal pensamento.

Mas ficamos cara a cara aqui com a escassez de evidências na atribuição de um autor.

Todas as teorias são suposições, embora algumas sejam fascinantes e atraentes, com certeza. Não sabemos realmente quem escreveu Hebreus.
Nenhuma teoria da autoria ganhou a luz do dia e por boas razões, pois a resposta à nossa busca está fora do domínio do conhecimento histórico.

As palavras de Orígenes sobre o autor ainda soam verdadeiras hoje: “Só Deus sabe”.

Notas:

1-Schreiner, Thomas R. Hebrews , Evangelical Biblical Theological Commentary (Bellingham, WA: Lexham Press, 2021), 2–5.
2-Eusebius Hut. ep. 6.14.1.
3-Eusebius Hut. ep . 6.25.13
4-Esta é minha tradução de Eusébio, Hist. eccl. 6.25.14.
5-David Alan Black, “Who Wrote Hebrews? The Internal and External Evidence Reexamine ”, Faith and Mission 18 (2001): 3-26. Ver também David Alan Black, The Authorship of Hebrews: The Case for Paul (Gonzales, FL: Energion, 2013).

6-Veja David L. Allen, Hebrews , NAC (Nashville: B&H, 2010), 32.
7-Veja aqui Harold W. Attridge, The Epistle to the Hebrews , Hermeneia (Philadelphia: Fortress, 1989), 1–2, n7. Veja, por exemplo, Eusébio que aceita Hebreus como Paulino, embora ele pense que foi originalmente escrito em hebraico e traduzido por Clemente de Roma para o grego ( Hist. Eccl . 3.3.5 e 3.3.8.2-3).

8-Attridge, Hebreus , 3.

9-Para as opiniões de Jerônimo e Agostinho, ver Philip Edgecumbe Hughes, Um Comentário sobre a Epístola aos Hebreus (Grand Rapids, MI: Eerdmans, 1977), 21-22.

10-Para os comentários de Erasmo sobre Hebreus, ver ibid., 23.

11-Guthrie resume muito bem as evidências a favor de Apolo e também fornece uma visão geral histórica daqueles que apoiaram Apolo como o autor (incluindo Zahn, Lenski, Montefiore). Guthrie não é dogmático sobre o assunto, mas sugere Apolo como o autor. George H. Guthrie, “O Caso de Apolo como o Autor de Hebreus”, Faith and Mission 18 (2001): 41–56. Para o desenvolvimento das visões de Lutero, ver Hughes, Hebreus , 23; Attridge, Hebrews , 4. Em apoio a Apollos, ver Ceslas Spicq, L’Epître aux Hébreux , 2ª ed., 2 vols., EB (Paris: Gabalda, 1953), 1: 197–219.

12-Adolf von Harnack defendeu Priscilla como autora (Adolf von Harnack, “Probabilia über die Addresse und den Verfasser des Hebräerbriefes”, ZNW 1 [1900]: 16-41). Para Silas, ver Thomas Hewitt, The Epistle to the Hebrews , TNTC (Grand Rapids, MI: Eerdmans, 1960), 26-32. Para Epafras, ver Robert Jewett, Carta aos Peregrinos: Um Comentário sobre a Epístola aos Hebreus (Nova York: Pilgrim, 1981), 7–9.
13-Allen, Hebreus , 29-61. David L. Allen, Lukan Autoria de Hebreus (Nashville: B&H, 2010).
14-Veja nota 4 acima.
15-Veja João Calvino, Comentários sobre a Epístola do Apóstolo Paulo aos Hebreus , trad. J. Owen (repr .; Grand Rapids, MI: Baker, 2005), 54, 358. Apesar do título do comentário (que sem dúvida não vem de Calvino), Calvino rejeita claramente a autoria paulina em seus comentários sobre 2: 3 e 13:23.

16-Rightly Gareth Lee Cockerill, The Epistle to the Hebrews , NICNT (Grand Rapids, MI: Eerdmans, 2012), 9.

 

 

########################################
► Siga-me ◄
✩ Instagram: https://www.instagram.com/nascidodenovooficial/
✩ Facebook: https://www.facebook.com/nascidodenovo.org
✩ Facebook Pr. Raul: https://www.facebook.com/prraulbolota
✩ Twitter: https://twitter.com/nascidodenovo
✩ Site: http://www.nascidodenovo.org ✩ Pinterest: https://br.pinterest.com/nascidodenovo/
✩ Periscope: @nascidodenovo
✩ Cursos do Nascido de Novo: https://nascidodenovo.org/v4/cursos-nascido-de-novo/

######################################
Quer enviar algo para nós? Mande para nossa Caixa Postal:
Caixa Postal 73 - Araraquara - SP - CEP14801-970
Todos os presentes serão mostrados em nossos vídeos de Recebidos e mostrados em nossas redes sociais!
Se não quiser que apareça só mandar uma cartinha junto pedindo sigilo.
Nosso e-mail: contato@nascidodenovo.org

######################################
CONTRIBUA COM O NASCIDODENOVO.ORG:
https://nascidodenovo.org/v4/mantenedores/

Pr.Raul
Pr.Raul
Pastor do Ministério Nascido de Novo e coordenador do Seminário Teológico Nascido de Novo, Youtuber e marido da Irmã Vanessa Ângelo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *