Feminina ou Feminista?

SIGA-ME – LITTLEDROPS
16/04/2020
LIÇÃO 66 – CATECISMO
19/04/2020

Feminina ou Feminista?

As mulheres cristãs encontram um grande desafio particular. Em meio a militância feminista, elas se deparam com uma cultura totalmente influenciada por mentiras e verdades incompletas que esse movimento a muito tempo impõe como ideal absoluto, manchando a doçura que é ser criada mulher.

Confesso que me preocupa o fato de que muitas mulheres cristãs em nome da igualdade, tem jogado na lata do lixo, qualidades e virtudes relacionadas a feminilidade.

Ora, a feminilidade é um comportamento projetado e criado por Deus o qual é um presente dado pelo Senhor a humanidade. Uma mulher feminina não se resume apenas em sem cuidar, vestir ou pintar-se como uma mulher. Feminilidade é bem mais que isso. Na verdade, feminilidade é um conjunto de atitudes e comportamentos, é um estilo de vida pelo qual a família e a sociedade experimenta doçura, amabilidade, afetividade e outros atributos mais.

Lamentavelmente, em nossos dias as mulheres não tem se preocupado em serem femininas, e sim feministas. Nessa perspectiva se uma mulher tem pensamentos e comportamentos diferentes dos defendidos pelo feminismo, desejando assim, obedecer os ensinamentos bíblicos, são execradas e rotuladas como ultrapassadas, subservientes e outros adjetivos mais. Se não bastasse isso, a sociedade como um todo, tem incentivado a mulher a competir com o homem levando-a assim a abandonar toda e qualquer possibilidade de constituir família e criar filhos. Para piorar a situação, tem desconstruído conceitos, princípios, bem como valores cristãos numa mulher como decência, pudor, doçura e submissão.

Isso nada mais é do que resultado da queda. Quando o homem, pela sua desobediência, teve seu caráter afetado pelo pecado, a autoridade que antes era protetora, agora é transformada em uma autoridade exploradora.

A mulher, que antes se submetia em amor, agora almeja o lugar do homem, mesmo sem poder suportar a sua responsabilidade, desfigurando assim o plano de Deus para os dois gêneros; por isso há uma mancha na sociedade.

Quando o homem e mulher não entendem o real propósito da criação, perde-se os valores morais que havia para essa relação mútua, então cria-se uma disputa animalesca de gêneros, onde um tenta exercer maior domínio e poder sobre o outro.

O fato é que esse não é um problema de construção social: esse é um problema moral e espiritual.
Portanto, com o auxílio do Santo Espírito, pela Palavra viva de Deus, as mulheres são chamadas a assumir o papel que foi dado exclusivamente à elas.

“A verdadeira feminilidade é um chamado distinto para demonstrar a glória do Filho de maneira que não seriam demonstradas se não houvesse feminilidade.” John Piper.

Resgatar a beleza da feminilidade nada mais é do que se voltar a Cristo e a sua palavra, e viver de forma que glorifique ao Seu nome. Voltar ao principio de temer ao Senhor (Pv 9:10).

É importante sempre ter em mente qual o propósito e chamado Deus tem para as mulheres.

Uma teologia fraca produz mulheres fracas, pois somente na força de um Deus totalmente poderoso vocês poderão dispor o coração nesse propósito de abraçar com amor a causa de apoiarem e submeterem-se aos seus maridos, de educarem os seus filhos e cuidar de suas casas (ou se prepararem para isso), com delicadeza e mansidão, independente do que o mundo irá dizer. E isso não quer dizer que a mulher não possa trabalhar, estudar, ocupar cargos importantes pois a luta social e política de direitos comuns deve ser igualitária, mas que os valores que recebemos do Senhor não sejam deturpados, e distorcidos, que nossas mentes estejam firmadas no que diz a palavra do Senhor.

De Andresa Hayne por Vanessa Angelo Bolota!!!

########################################
► Siga-me ◄
✩ Instagram: https://www.instagram.com/nascidodenovooficial/
✩ Facebook: https://www.facebook.com/nascidodenovo.org
✩ Facebook Pr. Raul: https://www.facebook.com/prraulbolota
✩ Twitter: https://twitter.com/nascidodenovo
✩ Site: http://www.nascidodenovo.org ✩ Pinterest: https://br.pinterest.com/nascidodenovo/
✩ Periscope: @nascidodenovo
✩ Cursos do Nascido de Novo: https://nascidodenovo.org/v4/cursos-nascido-de-novo/

######################################
Quer enviar algo para nós? Mande para nossa Caixa Postal:
Caixa Postal 73 - Araraquara - SP - CEP14801-970
Todos os presentes serão mostrados em nossos vídeos de Recebidos e mostrados em nossas redes sociais!
Se não quiser que apareça só mandar uma cartinha junto pedindo sigilo.
Nosso e-mail: contato@nascidodenovo.org

######################################
CONTRIBUA COM O NASCIDODENOVO.ORG:
https://nascidodenovo.org/v4/mantenedores/

Feminina ou Feminista?

As mulheres cristãs encontram um grande desafio particular. Em meio a militância feminista, elas se deparam com uma cultura totalmente influenciada por mentiras e verdades incompletas que esse movimento a muito tempo impõe como ideal absoluto, manchando a doçura que é ser criada mulher.

Confesso que me preocupa o fato de que muitas mulheres cristãs em nome da igualdade, tem jogado na lata do lixo, qualidades e virtudes relacionadas a feminilidade.

Ora, a feminilidade é um comportamento projetado e criado por Deus o qual é um presente dado pelo Senhor a humanidade. Uma mulher feminina não se resume apenas em sem cuidar, vestir ou pintar-se como uma mulher. Feminilidade é bem mais que isso. Na verdade, feminilidade é um conjunto de atitudes e comportamentos, é um estilo de vida pelo qual a família e a sociedade experimenta doçura, amabilidade, afetividade e outros atributos mais.

Lamentavelmente, em nossos dias as mulheres não tem se preocupado em serem femininas, e sim feministas. Nessa perspectiva se uma mulher tem pensamentos e comportamentos diferentes dos defendidos pelo feminismo, desejando assim, obedecer os ensinamentos bíblicos, são execradas e rotuladas como ultrapassadas, subservientes e outros adjetivos mais. Se não bastasse isso, a sociedade como um todo, tem incentivado a mulher a competir com o homem levando-a assim a abandonar toda e qualquer possibilidade de constituir família e criar filhos. Para piorar a situação, tem desconstruído conceitos, princípios, bem como valores cristãos numa mulher como decência, pudor, doçura e submissão.

Isso nada mais é do que resultado da queda. Quando o homem, pela sua desobediência, teve seu caráter afetado pelo pecado, a autoridade que antes era protetora, agora é transformada em uma autoridade exploradora.

A mulher, que antes se submetia em amor, agora almeja o lugar do homem, mesmo sem poder suportar a sua responsabilidade, desfigurando assim o plano de Deus para os dois gêneros; por isso há uma mancha na sociedade.

Quando o homem e mulher não entendem o real propósito da criação, perde-se os valores morais que havia para essa relação mútua, então cria-se uma disputa animalesca de gêneros, onde um tenta exercer maior domínio e poder sobre o outro.

O fato é que esse não é um problema de construção social: esse é um problema moral e espiritual.
Portanto, com o auxílio do Santo Espírito, pela Palavra viva de Deus, as mulheres são chamadas a assumir o papel que foi dado exclusivamente à elas.

“A verdadeira feminilidade é um chamado distinto para demonstrar a glória do Filho de maneira que não seriam demonstradas se não houvesse feminilidade.” John Piper.

Resgatar a beleza da feminilidade nada mais é do que se voltar a Cristo e a sua palavra, e viver de forma que glorifique ao Seu nome. Voltar ao principio de temer ao Senhor (Pv 9:10).

É importante sempre ter em mente qual o propósito e chamado Deus tem para as mulheres.

Uma teologia fraca produz mulheres fracas, pois somente na força de um Deus totalmente poderoso vocês poderão dispor o coração nesse propósito de abraçar com amor a causa de apoiarem e submeterem-se aos seus maridos, de educarem os seus filhos e cuidar de suas casas (ou se prepararem para isso), com delicadeza e mansidão, independente do que o mundo irá dizer. E isso não quer dizer que a mulher não possa trabalhar, estudar, ocupar cargos importantes pois a luta social e política de direitos comuns deve ser igualitária, mas que os valores que recebemos do Senhor não sejam deturpados, e distorcidos, que nossas mentes estejam firmadas no que diz a palavra do Senhor.

De Andresa Hayne por Vanessa Angelo Bolota!!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *