Catolicismo – O Matrimônio – Os Anticoncepcionais São Proibidos?

Madame Potifar
05/10/2014
Teologia Sistemática – As Escrituras – A Aprovação dos Apócrifos
05/10/2014

Está no plano de Deus que o casal gere filhos, os eduque e que estes honrem a seus pais (Gênesis 1.28; Efésios 6.1-4). Os órgãos genitais do homem e da mulher foram feitos basicamente para a reprodução humana, mas este fato não é um libelo contra o planejamento familiar, pois se o fosse, os casados não poderiam evitar filhos (é verdade), mas também os solteiros e viúvos não poderiam optar pelo celibato. Porém, à luz da Bíblia, somos livres para casarmos ou não (1 Coríntios 7). Logo, somos soberanos (sob Deus, é claro) quanto ao número de filhos.

      Agora, mais uma vez, vejamos o que diz o Catolicismo: “…é intrinsecamente má ‘toda ação que, ou em previsão do ato conjugal, ou durante a sua realização, ou também durante o desenvolvimento de suas conseqüências naturais, se proponha, como fim ou como meio, tornar impossível a procriação…’ ” (Catecismo da Igreja Católica, pág. 614, # 2.370).

      A transcrição acima não deixa claro que o Papa proíbe até o uso de camisinha entre marido e mulher? Não é ridículo isso?

 Sempre foi assim?

     A “Igreja” Católica sempre foi “rigorosa” no trato para com as famílias. Antigamente a “seriedade” e “severidade” eram maiores que as de hoje. Como vimos no capítulo 12 (12.1) deste livro, no passado, só aos que doavam altas somas à “Igreja”, era permitido o divórcio.

The Canone and Decrees of the Council of Trent, 7a seção,cânones 4 e 52, citado em Os Fatos Sobre o Catolicismo Romano, pág. 25, editado pela Obra Missionária Chamada da Meia Noite.

Pr.Raul
Pr.Raul
Pastor do Ministério Nascido de Novo e coordenador do Seminário Teológico Nascido de Novo, Youtuber e marido da Irmã Vanessa Ângelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *