Catolicismo – Imitando os Evangélicos

36xxx – 36 Dias de Pureza – Dia 32 – GRAÇA X AMOR
08/10/2014
Deus Criou Você Para Um Propósito
09/10/2014

Tão logo os nossos veículos de comunicação de massa tornaram notório que a “Igreja Católica” está naufragando, despertou nos católicos nominais um sentimento de solidariedade para com a seita deles. O clamor entre eles é: “Salvemos a nossa religião!” E os clérigos, atendendo ao apelo do Papa, modernizam a parte externa do culto, mecanizando um “fervor” que nunca tiveram. O raciocínio é, obviamente, o seguinte: Se os evangélicos são bem sucedidos assim, quem assim fizer, bem sucedido será.

Na ânsia de nos “plagiar”, os clérigos foram com tanta sede ao pote que, precipitadamente, não copiaram só parte do que há de bom entre nós, mas muitas de nossas meninices estão sendo exportadas para as igrejas católicas. Por exemplo, certo católico falou-nos que viu muitas pessoas caírem por terra ao toque das mãos de um padre. Ora, isso é plágio, pois podemos provar que essa papagaiada é evangélica. Isso seria cômico, se não fosse o triste fato de muitas pessoas ingênuas estarem se deixando levar. E com isso, a estratégia dos clérigos está atingindo o alvo. Há muitos “protestantes” (principalmente nos EUA) dizendo que, “finalmente, não há mais relevante diferença entre católicos e evangélicos”. O Doutor em Teologia, Pastor Paulo César Lima, disse acertadamente que “nada é mais falso do que o idêntico”. Logo, o Catolicismo, que sempre foi perigoso, está mais perigoso do que nunca.

Talvez (ou certamente?) a regravação de alguns hinos evangélicos, levada a efeito pelo Padre Marcelo Rossi, faça parte do plano que objetiva a ressuscitação do Catolicismo no Brasil e outros países da América Latina. Atentemos para o fato de que entre um hino e outro, Maria é adorada, pois exclamações de louvores lhe são dirigidas, como se ela fosse Deusa. Cuidado, meus irmãos! O Diabo é muito astuto! Meditemos nestas palavras proferidas pelos lábios sacrossantos do nosso Divino Mestre: “Porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos” (Mateus 24.24).

Pr.Raul
Pr.Raul
Pastor do Ministério Nascido de Novo e coordenador do Seminário Teológico Nascido de Novo, Youtuber e marido da Irmã Vanessa Ângelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *