Cristãs são demitidas por recusarem chamar aluna de `menino´

//]]>